Realidade Aumentada

raA RA – Realidade Aumentada (Augmented Reality), é a integração do mundo real com elementos virtuais ou dados criados pelo computador.

Ou seja, a sobreposição de imagens virtuais tridimensionais computadorizadas, em um ambiente real graças a um dispositivo tecnológico.

RA

.

Para a implementação de ambientes de RA existem diversos recursos computacionais, mas o ArtoolKit é o mais utilizado, já que ele possui código-fonte aberto e gratuito.

Não entendi muito bem o porque do nome “realidade aumentada”. O mais coerente, não seria “realidade misturada” – realidade virtual com a real, certo? (rs).

A tecnologia não é novidade, há vários exemplos conhecidos.

Há a  linha amarela de “first down” vista nas transmissões de futebol americano. Os elementos do mundo real são o campo de futebol e os jogadores, e o elemento virtual é a linha amarela.

Ou em transmissões de F1, quando visualizamos o que o piloto vê, mais a projeção de informação do cockpit, ou seja, imposição de imagens virtuais na viseira do capacete do piloto (Optical See Through).

E no caso do SIMNET ( Sistema distribuído de simulação dos jogos da guerra), onde há imposição de imagens virtuais,  captadas por satélite, da localização do inimigo que está fora do raio de visão do soldado.

Nos exemplos acima, a RA é usada na tecnologia Chroma-Keying com green-room tradicional -  a câmera e o fundo não estão correlacionados (não interagem, são informações sobre a imagem).

EVOLUÇÃO

Televisão: Chroma-Keying com green-room tradicional

Já na RA com  tecnologia Chroma-Keying blue-room virtual, a câmera é seguida por um cenário virtual 3D, totalmente adaptado (relação ideal entre imagem virtual e fundo).

Matrix

As vantagens são inúmeras,  os cenários virtuais são facilmente alteráveis,  antes ou durante a produção. E o  imbatível: você pode levar seu cenário no PC (rs).

Segundo o Prof. Ezequiel R. Zorzal “Os sistemas de realidade aumentada podem ser classificados conforme o tipo de display utilizado, envolvendo visão ótica ou visão por vídeo, dando origem a quatro tipos de sistemas. Sistema de visão ótica direta;  sistema de visão direta por vídeo; sistema de visão por vídeo baseado em monitor e  sistema de visão ótica por projeção”.

ISSO É REALIDADE AUMENTADA!

Tá imaginado?

Podemos substituir as telas e monitores tradicionais por dispositivos virtuais, como objetos 3D que alteram suas formas e aparência de forma interativa, ou seja,  baseados na tarefa ou necessidade do usuário (telas virtuais pseudo-holográficas).

Que tal um cinema com tela virtual  pseudo-holográfica que interage com o público da platéia?  É o sonho de todos os marketeiros e anunciantes… imagens 3D geradas por computador interagindo com consumidores reais (platéia).

Quem sabe a substituição de telas de navegação em carros e aparelhos celulares por telas virtuais para discagem através do movimento dos olhos? To pirando…(rs).

Em uma aplicação maios séria, a RA poderia salvar vidas: se a Secretaria de Urbanismo e Meio Ambiente tivesse um banco de dados das plantas aprovadas de todos as construções de São Paulo (o arquivo em papel existe), os bombeiros poderiam usar uma visão de raio-X para traçar rotas de fuga seguras. Uma imagem virtual de um esqueleto do prédio por exemplo, poderia guiar o bombeiro.

Lembra do post sobre QR Code?

A RA móvel é uma combinação da RA com tecnologia móvel da computação em aparelhos celulares dotados de conexão online. Quando a câmera do aparelho celular é direcionada a um objeto com QR Code (logos ou formas reconhecidos por RA), tais elementos são substituídos por gráficos 3D enquanto todo o resto do mundo real permanece igual.

Confira alguns exemplos:

▾  C3 Picasso

▾ 3D MINI

▾ Ghostwire: Nokia’s Mobile Games Innovation Challeng Winner

LT Studios

▾ AID-DCC Inc. & Katamari Inc.- Zero Nine

▾ Augmented Reality at Lunch@Piero’s press event

Total Immersion Nissan Cube Augmented Reality Brochure

Leia mais:

Nova tecnologia traz realidade aumentada para livros

Realidade aumentada em dispositivos móveis


  1. Raul T. says:

    Parabéns pelo post. Descreveu muito mas muito bem a tecnologia e suas aplicações.

    Estou acreditando muito no RA como ferramenta de interação. As possibilidades são infinitas. Basta ser criativo.

    Aqui por exemplo estamos trabalhando bastante com isso e fazendo diferentes aplicações. Até mesmo jogos com RA.

    Em exemplo disso é:
    http://www.soluttia.com.br/lab/itshirt/

    abs,Raul T.
    http://www.soluttia.com.br

  2. Rodrigo Cogo says:

    Excelente post. Vou dar como exemplo no meu workshop sobre comunicação digital e usos institucionais no Congresso Brasileira de Com.Organizacional e RP em abril em SP.

  3. Raul T. says:

    Rodrigo:

    O pessoal daqui da agência vai dar uma palestra sobre Marketing Digital Interativo e Games.

    Quem sabe não podemos ajudá-lo no seu workshop.

    abs, Raul T.
    http://www.soluttia.com.br

  4. Daniella Velloso says:

    Obrigado Rodrigo,

    No que precisar, estou aqui!

    Tks,Dani

  5. Daniella Velloso says:

    Oi Raul,

    eu demoro, mas respondo…rs
    Divulgue mais as suas aplicações! A camiseta tá bem legal!

    Tks,Dani

  6. Raul T. says:

    Oi Dani,

    Vamos divulgar sim.
    Alias … teremos novidades em breve.

    abs Raul T.
    http://www.soluttia.com.br

  7. Marcos says:

    Assim não dá para ver nada não! esse tal de You Tube é simplesmente
    horrível.muito melhor seria se chamasse CONTA-GOTAS . São 5 segundos daquelas bolinhas girando,girando, e 3 segundos para se
    ver alguma coisa. Assim não serve não !!!

Leave a Reply